03/05/2019

A ministra Tereza Cristina anunciou mais R$ 500 milhões para o programa Moderfrota em visita a Agrishow.

A Agrishow 2019 se finaliza, e evidência a importância do produtor rural permanecer conectado as principais inovações e fontes de crédito.

A feira é uma das maiores do mundo no segmento de agronegócio, e nesta data completou 25 anos de história, reunindo soluções para todos os tipos de culturas agro e tamanhos de propriedades, além de consolidar tendências e presentar inovações já disponíveis ou ainda em melhoramento.

Um dos assuntos mais comentados na feira foi o cenário desfavorável ao se analisar as fontes de crédito rural disponíveis no mercado, para Eduardo Nunes, diretor de vendas da Massey, o agronegócio brasileiro está estruturado em torno das linhas de crédito do BNDES e não pode haver mudança nessa política sem uma transição, sob o risco do agronegócio brasileiro perder sua competitividade. Para comprovar, ele disse que, assim que a ministra Tereza Cristina anunciou, na abertura da feira de Ribeirão, o aporte de R$ 500 milhões para o financiamento de máquinas agrícolas pelo Moderfrota, muitos produtores foram ao estande protocolar pedidos que estavam represados desde março, quando os recursos subsidiados começaram a faltar, “estamos cautelosos com as análises do governo sobre o novo Plano Safra, mas otimistas que os juros serão competitivos”.

undefined

“Tira daqui, põe lá, raspamos o tacho para atender a essa demanda”, disse Tereza Cristina sobre o financiamento que é concedido por meio do BNDES (o Programa de Modernização da Frota de Tratores Agrícolas e Implementos Associados e Colheitadeiras). 

 

por Thais Martins